Home / Acontece / Textos e Reflexões

Oração poderosa

Então olhei e ouvi a voz de muitos anjos, milhares de milhares e milhões de milhões. Eles rodeavam o trono, bem como os seres viventes e os anciãos, e cantavam em alta voz: "Digno é o Cordeiro que foi morto de receber poder, riqueza, sabedoria, força, honra, glória e louvor! " Depois ouvi todas as criaturas existentes no céu, na terra, debaixo da terra e no mar, e tudo o que neles há, que diziam: "Àquele que está assentado no trono e ao Cordeiro sejam o louvor, a honra, a glória e o poder, para todo o sempre! " - Apocalipse 5:11-13

Perguntaram-me estes dias: ”Pastor, sinto que Deus não me ouve; será que minha oração não é poderosa o suficiente? É isso?“ Respondi que a resposta às orações vem não do poder nelas mesmas mas do relacionamento que temos com aquele a quem dirigimos nossas orações; não é poder, é relacionamento. Se um desconhecido lhe pede algo, você poderá atender o seu pedido, mas se teu filho lhe pede algo, o seu desejo de satisfazer o seu pedido será muito maior.

Deus tem enorme prazer em nos satisfazer e ouvir nossas orações, mas é importante que o procuremos não apenas pelo que Ele pode fazer por nós, mas por quem Ele é. Nossas orações se compõem mais de pedidos e agradecimentos do que qualquer outra coisa. Você já compartilhou com Deus o prazer que você tem, se é que o tem, de estar em sua presença? Já passou tempo louvando e glorificando ao seu Senhor?

Os anjos de Deus seguem as ordens de Deus, e não tem muito que lhe pedir, pois tem tudo o que precisam. Mesmo assim, não lhes falta assunto quando estão na presença do Senhor. Passam muito tempo exaltando Jesus Cristo e admirando-o, num desejo enorme de poder anunciá-lo, mas essa é nossa tarefa. Passamos tanto tempo pedindo coisas para este mundo temporário em que vivemos, que nos esquecemos de sua eternidade, graça, amor, cuidado, presença constante, misericórdia, perdão, justiça...

Que a cada dia nossa grande busca seja nos aproximarmos de nosso Senhor, amando-o por quem Ele é.

Carinhoso abraço,

SÉRGIO PEREIRA

Ver todos os textos e reflexões.